A RELAÇÃO ENTRE ORIENTAÇÃO PARA O MERCADO E AS ATIVIDADES DE MARKETING DE CONSTRUTORAS DE CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS DE LONDRINA E MARINGÁ

  • Alexandre João Munhoz Universidade Estadual de Londrina
  • Mario Nei Pacagnan Universidade Estadual de Londrina
Palavras-chave: Orientação para o Mercado, Atividades de Marketing, Construção Civil.

Resumo

Em geral, o uso das  escalas de Orientação para o Mercado (OPM) tem como propósito centralmensurar a utilização dos conceitos de Marketing por empresas no desenvolvimento de suas atividades nomercado. Nesse sentido, a escala Markor procura identificar a OPM da organização, mensurando-a porintermédio  do fluxo de informações de mercado  que são apropriadas pelas empresas numa perspectivaassociada à inteligência de mercado. Entretanto, além do fluxo das informações pertinentes à inteligênciade mercado, existem outras atividades que fazem parte da “aplicação do marketing” nas empresas que nãosão consideradas nessas escalas. Diante disso, procuramos elucidar melhor esse questionamento buscandoas relações entre os dois conceitos. Nessa linha de raciocínio, o uso integrado dos esforços mediante aincorparação das atividades de marketing às informações de inteligência de mercado estruturadas na escalaMarkor apresenta-se como uma oportunidade a ser explorada. Portanto, o presente estudo teve como objetivo principal revelar a relação entre  as práticas das atividades de marketing e o nível de OPM dasempresas. Após a condução de uma revisão literária preliminar sobre o tema, efetuou-se uma pesquisa decampo de natureza quantitativa em uma amostra de empresas construtoras de condomínios residenciais nascidades de Londrina e Maringá, buscando avaliar as possíveis relações entre os dois constructos, ou seja,as práticas das atividades de Marketing e as questões efetivas da OPM, pautadas na escala MARKOR. Asanálises estatísticas foram conduzidas mediante a aplicação do teste Exato de Fisher, que permite verificaras relações entre as variáveis, e, de maneira complementar,  do teste V de CRAMER,  que destaca asignificância das mesmas variáveis. Como resultado preliminar, verificou-se positivamente a relação entre“emprego” das atividades de marketing e a OPM. Embora os resultados gerais não tenham confirmado arelação significativa entre os dois  constructos na amostra pesquisada,  outras questões emergiram, apontando diferentes perfis de interface entre determinadas atividades de  marketing e os constructos daOPM, por meio da escala MARKOR.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre João Munhoz, Universidade Estadual de Londrina

Mestre em Administração pelo PPA UEL/UEM − Londrina-Paraná, Brasil

Especialista em Marketing pela PUC-PR

Graduado em Administração pela Universidade Estadual de Londrina

Empresário do setor de Propaganda

Mario Nei Pacagnan, Universidade Estadual de Londrina

Professor do Programa de Mestrado em Administração da Universidade Estadual de Londrina − Londrina-Paraná, Brasil

Pós-Doutor em Administração pela PUC-PR

Doutor em Administração pela FEA-USP

Como Citar
Munhoz, A., & Pacagnan, M. (1). A RELAÇÃO ENTRE ORIENTAÇÃO PARA O MERCADO E AS ATIVIDADES DE MARKETING DE CONSTRUTORAS DE CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS DE LONDRINA E MARINGÁ. REGE Revista De Gestão, 19(2). https://doi.org/10.5700/issn.2177-8736.rege.2012.49902
Seção
Marketing