República, identidade nacional e anti-semitismo (1930-1945)

Autores

  • Maria Luiza Tucci Carneiro Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas; Departamento de História

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i129-131p153-163

Palavras-chave:

Anti-semitismo, Racismo, Paraná, Poloneses, Judeus

Resumo

Este artigo trata de questões específicas ao caso dos poloneses e dos judeus imigrantes do Paraná, durante os anos 30 e 40. Situações similares ocorreram em outros estados brasileiros onde os núcleos de colonização européia se fizeram de forma marcante.

Procuramos demonstrar como que os ideais republicanos foram minados pela prática de um regime autoritário e anti-semita, colaborando para levar à agonia a República brasileira.

Durante o Estado Novo contrariou-se o ideal de uma sociedade plurarista que abrigasse etnias diversificadas. Apelou-se para o imaginário coletivo em busca de quistos sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1994-12-30

Edição

Seção

Artigos