Un gobierno basilante arruina para siempre* la crisis de legitimidad que acompaña la emergencia del poder de la opinión en Colombia, 1826-1831

  • María Teresa Calderón Universidad Externado de Colombia; Centro de Estudios en Historia
Palavras-chave: Colômbia, Simón Bolívar, Rafael Urdaneta, Cultura Política, América Hispânica

Resumo

Este artigo analisa a crise de legitimidade que abala a Colômbia entre 1826 e 1831. As ditaduras de Simón Bolívar (1828) e Rafael Urdaneta (1830), a incapacidade das duas assembléias constituintes em estabelecer uma Constituição e, finalmente, a dissolução da República dando origem a Venezuela, Nova Granada e Equador mostram a dificuldade de se encontrar soluções adequadas para os desafios que definem a política moderna no contexto da cultura política dominante.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2005-12-30