"Um só não escapa de pegar em armas": as populações indígenas na Guerra dos Farrapos (1835-1845)

Autores

  • Eduardo Santos Neumann Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.rh.2014.89008

Palavras-chave:

Populações indígenas, Guerra dos Farrapos, Império do Brasil

Resumo

Este artigo tem como objetivo repensar a história da Guerra dos Farrapos contemplando a presença e a participação indígena nessa rebelião. As populações ameríndias, ao contrário do que se pensava, participaram dos conflitos imperiais, mas seguem como os esquecidos dessa guerra deflagrada em plena fronteira do Império do Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Santos Neumann, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutor em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e professor associado do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História.

Downloads

Publicado

2014-12-18

Edição

Seção

Artigos