Objeto, Contexto e Memória

  • Amanda Saba Ruggiero
Palavras-chave: Helio  Oiticica,  exposições, espaços museológicos, expografia

Resumo

O artigo apresenta questões sobre os modos expográficos relativos tanto ao objeto artístico quanto à memória, desenvolvidas desde doutoramento, cuja tese analisou a recepção internacional do artista Hélio Oiticica. Os momentos resgatados por depoimentos individuais, em entrevistas, referem‐se a determinado contexto, período e expografia, contribuem para apurar variáveis que interferem no reconhecimento da obra. Mapeiam‐se as referências sobre o espaço expositivo, relação com o público e as suas possíveis consequências Ao lado, confrontam‐se as relações dinâmicas de tais registros transformadas ao longo do tempo, emoldurando‐se novos formatos e percepções. A reflexão de como se apresentam os objetos artísticos em espaço, discurso, seleção, expografia, contexto institucional e urbano redesenha múltiplos significados e leituras do mesmo, podendo ampliar o horizonte de interpretação da obra ou desconectá‐la plenamente de seus propósitos germinais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amanda Saba Ruggiero
Doutora em arquitetura e urbanismo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo
Publicado
2016-10-13
Como Citar
Ruggiero, A. (2016). Objeto, Contexto e Memória. Revista ARA, (1), 135-159. https://doi.org/10.11606/issn.2525-8354.v0i1p135-159
Edição
Seção
Artigos