A privação de sono nos alunos da área de saúde em atendimento nas Unidades Básicas de Saúde e suas consequências

  • Carla Prado Castilho Faculdade Atenas, Curso de Medicina
  • Ludy Mila Dias de Limas Faculdade Atenas, Curso de Medicina
  • Mariane Lago Monteiro Faculdade Atenas, Curso de Medicina
  • Pedro Henrique Maia Nogueira da Silva Faculdade Atenas, Curso de Medicina
  • Helvécio Bueno Faculdade Atenas, Curso de Medicina
  • Talitha Araújo Fari Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Palavras-chave: Sono, Fases do sono, Qualidade de vida, Estudantes de ciências da saúde, Baixo rendimento escolar.

Resumo

Introdução: Os estudantes de graduação pertencem a um grupo com altas probabilidades de apresentar sonolência diurna excessiva e má qualidade do sono. Objetivo: O objetivo deste trabalho foi investigar a privação do sono dos estudantes da área de saúde em atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Paracatu-MG, a fim de poder retratar essa realidade e elaborar medidas que solucionem o problema. Métodos: o estudo é do tipo transversal e usou-se de questionário, o qual foi montado com base nos questionários de Pittsburgh e Berlim. Foram entrevistados 100 alunos de quatro semestres distintos de forma que cada semestre foi representado por 25 estudantes. Foram utilizados questionários. Resultados: Observou-se sobre o tempo de sono por noite que 34% dos entrevistados dormem em média 7h por noite. Para se manterem acordados durante um longo período de tempo, 4,1% relataram fazer uso de medicamentos, dentre os quais 60% fazem o uso de ritalina. A privação de sono altera o desempenho acadêmico de 88,54% dos entrevistados. Conclusão: A partir do presente artigo, verificou-se que a maioria dos estudantes da área de saúde dos UBS de Paracatu-MG dormem em média 7 horas, o que pode acarretar uma má qualidade do sono provocando um baixo rendimento acadêmico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Prado Castilho, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Acadêmica do 4o ano do Curso de Medicina da Faculdade Atenas.
Ludy Mila Dias de Limas, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Acadêmica do 4o ano do Curso de Medicina da Faculdade Atenas.
Mariane Lago Monteiro, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Acadêmica do 4o ano do Curso de Medicina da Faculdade Atenas.
Pedro Henrique Maia Nogueira da Silva, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Acadêmica do 4o ano do Curso de Medicina da Faculdade Atenas.
Helvécio Bueno, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Professores da Disciplina de Epidemiologia do Curso de Medicina da Faculdade Atenas, Paracatu, MG.
Talitha Araújo Fari, Faculdade Atenas, Curso de Medicina
Professores da Disciplina de Epidemiologia do Curso de Medicina da Faculdade Atenas, Paracatu, MG.
Publicado
2015-10-29
Como Citar
Castilho, C., Limas, L. M., Monteiro, M., Silva, P. H., Bueno, H., & Fari, T. (2015). A privação de sono nos alunos da área de saúde em atendimento nas Unidades Básicas de Saúde e suas consequências. Revista De Medicina, 94(2), 113-119. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v94i2p113-119
Seção
Artigos