Uso da penicilina para tratar uma pneumonia lobar em paciente pediátrico com deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase: relato de caso e revisão da literatura

  • Carlos Felipe Nogueira Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
  • Cláudio Daniel Cerdeira Universidade Federal de Alfenas, Instituto de Ciências Biomédicas
  • Anna Paula Mendanha da Silva Aureliano Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
  • João Marcelo Teixeira Lobo Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
  • Alessandra Cristina Pupin Silvério Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
  • Gérsika Bitencourt Santos Universidade Federal de Alfenas, Instituto de Ciências Biomédicas
Palavras-chave: Deficiência de glucosefosfato-desidrogenase, Penicilinas, Anemia hemolítica, Pneumonia.

Resumo

Objetivo: Neste relato de caso, nós abordamos o uso da penicilina em paciente pediátrico do sexo feminino com deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase (G6PD) para tratar uma pneumonia lobar aguda. Descrição do caso: Durante os 10 dias de tratamento com penicilina G cristalina (200 mg/kg/dia), o monitoramento com hemograma evidenciou a restauração aos níveis normais do hematócrito e hemoglobina. O acompanhamento da paciente mostrou completa resolução da infecção pulmonar e não ocorrência de anemia hemolítica aguda (crise hemolítica). Comentários: A restrição quanto ao uso de alguns medicamentos em pacientes que apresentam deficiência de G6PD é um desafio para a instituição do tratamento adequado na prática clínica. Portanto, é aqui relatado o uso da penicilina por parte de uma paciente com deficiência de G6PD.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Felipe Nogueira, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
Faculdade de Medicina, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Alfenas, MG, Brasil.
Cláudio Daniel Cerdeira, Universidade Federal de Alfenas, Instituto de Ciências Biomédicas
Departamento de Bioquímica (DBq), Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL-MG), Alfenas, MG, Brasil.
Anna Paula Mendanha da Silva Aureliano, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
Faculdade de Medicina, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Alfenas, MG, Brasil.
João Marcelo Teixeira Lobo, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
Faculdade de Medicina, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Alfenas, MG, Brasil.
Alessandra Cristina Pupin Silvério, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Faculdade de Medicina
Faculdade de Medicina, Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS), Alfenas, MG, Brasil.
Gérsika Bitencourt Santos, Universidade Federal de Alfenas, Instituto de Ciências Biomédicas
Departamento de Bioquímica (DBq), Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL-MG), Alfenas, MG, Brasil.
Publicado
2017-09-29
Como Citar
Nogueira, C., Cerdeira, C., Aureliano, A. P., Lobo, J. M., Silvério, A. C., & Santos, G. (2017). Uso da penicilina para tratar uma pneumonia lobar em paciente pediátrico com deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase: relato de caso e revisão da literatura. Revista De Medicina, 96(3), 177-182. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v96i3p177-182
Seção
Artigos de Revisão