Indicação de cardioversor desfibrilador implantável após morte súbita por fibrilação ventricular em pré-operatório de catarata: relato de caso

  • Livia Rossetti de Abreu e Lima Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo
  • Karoline Medeiros Dias Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Thacila Mozzaquatro Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Sergio Freitas de Siqueira Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Anisio Alexandre Andrade Pedrosa Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Silvana Angelina D'Orio Nishioka Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Ricardo Alkmim Teixeira Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Camila da Silva Oliveira Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Roberto Costa Unidade Cirurgica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
  • Martino Martinelli Filho Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Palavras-chave: Desfibriladores implantáveis, Extração de catarata, Felinefrina, Tropicamida, Estresse psicológico/cirurgia.

Resumo

Introdução: A fibrilação ventricular (FV) é um evento grave e fatal na maioria dos pacientes. Neste relato, descrevemos um caso de parada cardíaca durante pré-operatório de cirurgia de catarata em um paciente, com indicação subsequente de cardioversor desfibrilador implantável (CDI) para prevenção secundária de morte súbita cardíaca (MSC). Trata-se de um homem, 72 anos de idade, admitido para cirurgia de catarata com cardiomiopatia dilatada de etiologia desconhecida (DCM). O paciente apresentava hipertensão arterial, diabetes mellitus, hipotireoidismo e dislipidemia. Durante o período pré-operatório foi administrado, para realização de facectomia, colírio de tropicamida, fenilefrina e proximetacaína e, na sequência, o paciente desenvolveu FV e parada cardíaca. A parada foi revertida após 13 minutos de manobras de reanimação. O paciente foi encaminhado à Unidade de Estimulação Cardíaca de nossa instituição para avaliação. A ressonância magnética cardíaca não mostrou fibrose miocárdica e a coronariografia foi normal. Conclusão: Descrevemos um caso de FV intra-hospitalar, que acometeu paciente com DCM sem substrato anatômico arritmogênico. O mecanismo mais provável da arritmia ventricular foi hiperautomatismo induzido por estresse pré-operatório. O implante de CDI foi indicado para prevenção secundária de MSC, e afastadas causas reversíveis ou controláveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Livia Rossetti de Abreu e Lima, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo
Acadêmica de medicina, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Karoline Medeiros Dias, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Coordenadora de Pesquisa Clínica, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Thacila Mozzaquatro, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Coordenadora de Pesquisa Clínica, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Sergio Freitas de Siqueira, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Engenheiro Biomédico, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Anisio Alexandre Andrade Pedrosa, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Médico Assistente, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Silvana Angelina D'Orio Nishioka, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Médico Assistente, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Ricardo Alkmim Teixeira, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Médico Assistente, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Camila da Silva Oliveira, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Técnica Especializada em Pesquisa, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Roberto Costa, Unidade Cirurgica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR

Diretor, Unidade Cirurgica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR. 

Martino Martinelli Filho, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR
Diretor, Unidade Clinica de Estimulacao Cardiaca, Instituto do Coracao, Hospital das Clinicas HCFMUSP, Faculdade de Medicina FMUSP, Universidade de Sao Paulo, Sao Paulo, SP, BR.
Publicado
2017-09-29
Como Citar
Lima, L., Dias, K., Mozzaquatro, T., Siqueira, S., Pedrosa, A. A., Nishioka, S., Teixeira, R., Oliveira, C., Costa, R., & Martinelli Filho, M. (2017). Indicação de cardioversor desfibrilador implantável após morte súbita por fibrilação ventricular em pré-operatório de catarata: relato de caso. Revista De Medicina, 96(3), 193-196. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v96i3p193-196
Seção
Relato de Caso