Portal da USP Portal da USP Portal da USP

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) de início tardio é um diagnóstico válido em adultos?

Mauro Xavier Neto, Sofia Amaral Medeiros, Luiza de Campos, Renério Fráguas Junior

Resumo


INTRODUÇÃO: O paradigma atual do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) o entende como um transtorno do neurodesenvolvimento de início na infância, que pode persistir na vida adulta. Entretanto, foi levantada a hipótese de uma síndrome de TDAH de início tardio (idade de início >12 anos). OBJETIVO: Avaliar o atual estado do conhecimento em relação ao TDAH de início tardio. MATERIAL E MÉTODOS: Revisão sistemática da literatura usando as bases de dados PubMed (MEDLINE) e SCOPUS. RESULTADOS: Nós encontramos seis estudos que relatam dados corroborando a existência do TDAH de início tardio: cinco da busca no PubMed e um dos artigos sem sobreposição da busca no SCOPUS. DISCUSSÃO: Apesar do pequeno número de estudos, das diferenças de metodologia entre eles e da presença de limitações em todos eles, os dados relativos a aspectos clínicos oferecem alguma sustentação para a validade de conteúdo do diagnóstico de TDAH em adultos de início tardio. CONCLUSÕES: Embora muitas controvérsias ainda existam e estudos confirmando sua validade de construto são necessários, TDAH de início tardio pode ser um diagnóstico válido em adultos. Portanto, clínicos devem considerar o diagnóstico e tratamento de TDAH em adultos de início tardio ao invés de simplesmente negligencia-lo devido ao critério de idade de início.

Palavras-chave


Transtorno do déficit de atenção com hiperatividade; Validade dos testes; Adolescente; Adulto; Adulto jovem.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v97i1p71-80

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.