Febre Amarela

revisão e situação epidemiológica atual no Brasil

Palavras-chave: Febre amarela, Flavivirus, Infecções por arbovírus, Aedes, Hemorragia

Resumo

Desde Janeiro de 2017, foram reportados 1563 casos suspeitos de Febre Amarela, sendo confirmados 629 casos, dos quais foram confirmadas 232 mortes devido a doença. A Febre Amarela é uma doença febril hemorrágica, sendo endêmica de regiões tropicais da África e América do Sul. Nos dias atuais, tem apresentado aumento significativo em sua incidência no Brasil, com repercussões e impactos importantes na saúde pública do país. Neste artigo são descritas as causas de Febre Amarela, bem como sua epidemiologia, progressão, os métodos diagnósticos, tratamento e prevenção da doença, de forma a promover atualização epidemiológica e direcionar futuras pesquisas na área. Método: Foram utilizados dados do Pubmed, SciELO, Medline e de fontes governamentais, referentes a Febre Amarela, que datam de 2002 à 2018. Na coleta do dados foram utilizados os seguintes descritores: Febre Amarela, Aedes, Arbovírus, Flavivirus.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo Augusto Fontanelle Ribeiro Junior, Universidade Santo Amaro, Faculdade de Medicina

Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina, Disciplina de Cirurgia Geral e Trauma. Diretor. São Paulo, SP, Brasil.

Vinicius Cunha Rodrigues, Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina

Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina, Disciplina de Cirurgia Geral e Trauma. Estudante do 4º ano de medicina.

Celia Ya Dan Feng, University of New South Wales, School of Medicine

University of New South Wales, School of Medicine, Sydney, New South Wales, Australia. 5th year medical student.

Alexander Trong Minh Nguyen, University of New South Wales, School of Medicine

University of New South Wales, School of Medicine, Sydney, New South Wales, Australia. 5th year medical student.

Giovana El Khouri Bechara, Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina

Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina, Disciplina de Cirurgia Geral e Trauma. Estudante do 5º ano de Medicina.

Raíssa Reis de Moura, Universidade Santo Amaro, Faculdade de Medicina

Universidade Santo Amaro. Faculdade de Medicina, Disciplina de Cirurgia Geral e Trauma. Estudante do 5º ano de Medicina.

Publicado
2018-12-18
Como Citar
Ribeiro Junior, M. A., Rodrigues, V., Feng, C., Nguyen, A., Bechara, G., & Moura, R. (2018). Febre Amarela. Revista De Medicina, 97(4), 407-414. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v97i4p407-414
Seção
Artigos de Revisão/Review Articles