Micropênis

Palavras-chave: Pênis/anormalidades, Pênis/patologia, Pênis/fisiopatologia, Urologia, Pediatria, Endocrinologia.

Resumo

Micropênis refere-se a um pênis normalmente formado, anormalmente pequeno, com um comprimento inferior a 2,5 desvios-padrão (DP) abaixo da média da idade ou do estágio de desenvolvimento sexual. Pacientes com micropênis verdadeiro geralmente apresentam cariótipo 46, XY, associado a gônadas masculinas normalmente localizadas, sem qualquer sinal de outras malformações penianas. O comprimento do pênis é medido a partir do ponto onde o pênis encontra o osso púbico até a ponta distal da glande no alongamento máximo, comprimindo qualquer gordura sobre a área suprapúbica. O diagnóstico diferencial inclui buried penis - penis embutido (incapacidade de expor adequadamente o pênis, devido a uma severa estomia associada à diminuição do comprimento da pele do pênis, que retém o eixo dentro da cavidade prepucial) e obesidade com excesso de gordura na região supra púbica. As causas do micropênis congênito ou verdadeiro podem ser divididas em três grandes grupos: hipogonadismo hipogonadotrófico (falência hipofisária / hipotalâmica), hipogonadismo hipergonadotrófico (insuficiência testicular primária) e idiopático (associado a um eixo hipotálamo-hipófise-testicular funcional). O tratamento clínico é baseado na terapia com testosterona. As opções de tratamento cirúrgico são usadas após falha do aumento do pênis com terapia de testosterona e incluem alongamento do pênis, aspiração de gordura suprapúbica e, eventualmente, neofaloplastia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-07-18
Como Citar
Cezarino, B., Lopes, R., Machado, M., Oliveira, L., Giron, A., Tavares, A., Sircilli, M. H., & Denes, F. (2018). Micropênis. Revista De Medicina, 97(3), 308-313. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v97i3p308-313
Seção
Artigos/Articles