Avaliação do impacto e efetividade do treinamento de crianças em suporte básico de vida

uma revisão sistemática

Palavras-chave: Reanimação Cardiopulmonar, Capacitação, Emergências, Criança

Resumo

A reanimação cardiopulmonar (RCP) precoce e eficaz realizada por espectadores é um preditor importante da sobrevida em vítimas de parada cardiorrespiratória fora de hospitais. Nesse sentido, a OMS preconiza o treinamento em RCP em escolas desde 12 anos. Este estudo objetiva avaliar a efetividade do treinamento de crianças em suporte básico de vida. Para isso, foi realizada uma revisão sistemática da literatura na base indexadora MedLine, com frase de pesquisa construída com as palavras “Cardiopulmonary Resuscitation” “Education” e “Child” e suas variações obtidas no MeSH. Foram critérios de inclusão estudos publicados em até cinco anos com abordagem do treinamento de RCP para crianças em ambiente escolar. Foram excluídos estudos de revisão sem descrição dos métodos de treinamento e com resultados incompletos. Foram selecionados 13 adequados aos métodos deste estudo. Em todos houve um treinamento teórico e prático seguidos da aplicação de um questionário avaliativo. Os resultados demonstram a inefetividade das compressões de crianças menores atribuída ao baixo peso, altura e IMC, e um maior interesse de crianças menores em relação às maiores e adultos. Treinamentos de RCP para crianças antes mesmo dos 12 anos são efetivos. Apesar da RCP ineficaz, o conhecimento adquirido propicia a solidificação das técnicas no futuro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heloise Gabriela Dias Barbosa, Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora - SUPREMA

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – SUPREMA – Acadêmica de Medicina.
1º lugar - Prêmio “Irineu Tadeu Velasco”, apresentação oral no INSPIRE-SE – I Encontro de Residentes de Medicina de Emergência do Sudeste, I Encontro das Ligas Acadêmicas de Emergêrnmica do Sudeste, FMUSP, São Paulo, SP, 15-16 nov. 2019.

Lucas Richartz Santana, Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora - SUPREMA

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – SUPREMA – Acadêmico de Medicina.
1º lugar - Prêmio “Irineu Tadeu Velasco”, apresentação oral no INSPIRE-SE – I Encontro de Residentes de Medicina de Emergência do Sudeste, I Encontro das Ligas Acadêmicas de Emergêrnmica do Sudeste, FMUSP, São Paulo, SP, 15-16 nov. 2019.

Eveline Montessi Nicolini, Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora - SUPREMA

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – SUPREMA – Docente do curso de Medicina.
1º lugar - Prêmio “Irineu Tadeu Velasco”, apresentação oral no INSPIRE-SE – I Encontro de Residentes de Medicina de Emergência do Sudeste, I Encontro das Ligas Acadêmicas de Emergêrnmica do Sudeste, FMUSP, São Paulo, SP, 15-16 nov. 2019.

Referências

1. He DX, Huang KS, Yang YI, et al. What is the optimal age for students to receive cardiopulmonary resuscitation training? Prehosp Disaster Med. 2018;33(4):394-8. doi: https://doi.org/10.1017/S1049023X1800047X.
2. Li H, Shen X, Xu X, et al. Bystander cardiopulmonary resuscitation training in primary and secondary school children in China and the impact of neighborhood socioeconomic status: a prospective controlled trial. Medicine (Baltimore). 2018;97(40):1-5. doi: https://doi.org/10.1097/MD.0000000000012673.
3. Kitamura T, Nishiyama C, Murakami Y, et al. Compression-only CPR training in elementary schools and student attitude toward CPR. Pediatr Int. 2016;58(8):698-704. doi: https://doi.org/10.1111/ped.12881.
4. Weidenauer D, Hamp T, Schriefl C, et al. The impact of cardiopulmonary resuscitation (CPR) manikin chest stiffness on motivation and CPR performance measures in children undergoing CPR training-A prospective, randomized, single-blind, controlled trial. PLoS One. 2018; 13(8):1-14. doi: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0202430.
5. Mpotos N, Iserbyt P. Children saving lives: Training towards CPR excellence levels in chest compression based on age and physical characteristics. Resuscitation. 2017;121(4):135-40. doi: https://doi.org/10.1016/j.resuscitation.2017.10.024.
6. Böttiger BW, Aken HV. Kids save lives – training school children in cardiopulmonary resuscitation worldwide. Resuscitation. 2015;94:A5-A7. doi: http://dx.doi.org/10.1016/j.resuscitation.2015.07.005.
7. Bánfai B, Pandur A, Pék E, Csonka H, Betlehem J. At what age can children perform effective cardiopulmonary resuscitation? Effectiveness of cardiopulmonary resuscitation skills among primary school children. Orv Hetil 2017; 158(4):147-52. doi: https://doi.org/10.1556/650.2017.30631.
8. Banfai B, Pek E, Pandur A, Csonka H, et al. The year of first aid’: effectiveness of a 3-day first aid programme for 7-14-year-old primary school children. Emerg Med J. 2017;34(8):526-32.doi: https://doi.org/10.1136/emermed-2016-206284.
9. Kua PHJ, White AE, Ng WY, et al. Knowledge and attitudes of Singapore schoolchildren learning cardiopulmonary resuscitation and automated external defibrillator skills. Singapore Med J. 2018;59(9):487-99. doi: https://doi.org/10.11622/smedj.2018021.
10. Petris AO, Tatu-Chiţoiu G, Cimpoeşu D, et al. You can also save a life!”: children’s drawings as a non-verbal assessment of the impact of cardiopulmonary resuscitation training. Intern Emerg Med. 2017;12(3):365-9. doi: https://doi.org/10.1007/s11739-016-1469-8.
11. Jorge-Soto C, Abelairas-Gómez C, Barcala-Furelos R, et al. Automated external defibrillation skills by naive schoolchildren. Resuscitation. 2016;106(2):37-41. doi: https://doi.org/10.1016/j.resuscitation.2016.06.007.
12. Baldi E, Bertaia D, Contri E. School children learn BLS better and in less time than adults. Resuscitation. 2015;88(1):15-6. doi: https://doi.org/10.1016/j.resuscitation.2014.12.034.
13. Hori S, Suzuki M, Yamazaki M, Aikawa N, Yamazaki H. Cardiopulmonary resuscitation training in schools: a comparison of trainee satisfaction among different age groups. Keio J Med. 2016;65(3):49-56. doi: https://doi.org/10.2302/kjm.2015-0009-OA.
14. Stroobants J, Monsieurs K, Devriendt B, Dreezen C, Vets P, Mols P. Schoolchildren as BLS instructors for relatives and friends: Impact on attitude towards bystander CPR. Resuscitation. 2014;85(12):1769-74. doi: https://doi.org/10.1016/j.resuscitation.2014.10.013.
Publicado
2020-02-03
Como Citar
Barbosa, H., Santana, L., & Nicolini, E. (2020). Avaliação do impacto e efetividade do treinamento de crianças em suporte básico de vida. Revista De Medicina, 99(1), 56-61. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v99i1p56-61
Seção
Artigos de Revisão/Review Articles