Importância do diagnóstico presuntivo de abscessos encefálicos no sistema nervoso central

  • Adson Freitas de Lucena Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
  • Rachel Vasconcelos Tibúrcio Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
  • Herberth Duarte Cavalcante Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
  • Luís Edmundo Teixeira de Arruda Furtado Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurologia
  • Cícero Silvério de Paiva Neto Santa Casa de Misericórdia de Sobral
  • Cláudio Henrique Moreira Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurocirurgia
  • Gerardo Cristino Filho Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurocirurgia
Palavras-chave: Abscesso encefálico/diagnóstico, Cefaléia, Diagnóstico diferencial, Sistema nervoso central, Tomografia computadorizada por raio-x

Resumo

Introdução: Abscessos cerebrais são caracterizados por uma coleção de exsudato no parênquima encefálico capazes de acometer indivíduos de qualquer idade, raça e sexo. Atenção especial deve ser dada a esses casos, pois sua apresentação clínica pode simular outros agravos, tornando importante ampliar o raciocínio para diversos diagnósticos diferenciais. O presente estudo visa o relato de caso de uma paciente admitida na Santa Casa de Misericórdia de Sobral com quadro sugestivo de cefaléia secundária. Material e Métodos: MEMA, 22 anos, universitária, evoluiu em 11 dias com cefaléia unilateral em região frontal esquerda e pulsátil. Essa cefaléia tinha caráter habitual, apresentava intensidade progressiva, associava-se a náuseas, melhorava com repouso e analgésicos, não havendo relato de fator desencadeante. Resultados: O exame neurológico evidenciou alteração no estado mental, com déficit de memória imediata e recente, compreensão e nomeação; além de desorientação temporo-espacial. Observou-se na Tomografia Computadorizada de Crânio (TCC) uma imagem hipodensa temporal esquerda, com halo hiperdenso de reforço após administração de contraste. Conclusão: A mortalidade nos pacientes com abscesso cerebral pode variar entre 10-40%, sendo bastante influenciada pelo estado clínico dos pacientes na admissão. Os sinais de alerta da cefaléia, também conhecidos como red flags, são de alto valor preditivo para agravos secundários cerebrais e devem ser considerados pelos profissionais de saúde que atuam em serviço de pronto atendimento. A TCC é uma importante ferramenta de diagnóstico e de avaliação dos abscessos cerebrais, sendo sua precocidade de realização fator prognóstico decisivo para o paciente

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adson Freitas de Lucena, Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
Acadêmico do Curso de Medicina – UFC Campus de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Rachel Vasconcelos Tibúrcio, Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
Acadêmico do Curso de Medicina – UFC Campus de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Herberth Duarte Cavalcante, Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina
Acadêmico do Curso de Medicina – UFC Campus de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Luís Edmundo Teixeira de Arruda Furtado, Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurologia
Neurologista do Serviço de Neurologia da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Cícero Silvério de Paiva Neto, Santa Casa de Misericórdia de Sobral
Otorrinolaringologista da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Cláudio Henrique Moreira, Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurocirurgia
Neurocirurgião do Serviço de Neurocirurgia da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Gerardo Cristino Filho, Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Serviço de Neurocirurgia
Neurocirurgião do Serviço de Neurocirurgia da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, Sobral, CE, Brasil
Publicado
2011-06-17
Como Citar
Lucena, A., Tibúrcio, R., Cavalcante, H., Furtado, L. E., Paiva Neto, C., Moreira, C., & Cristino Filho, G. (2011). Importância do diagnóstico presuntivo de abscessos encefálicos no sistema nervoso central. Revista De Medicina, 90(2), 100-105. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v90i2p100-105
Seção
Artigos