Síndrome metabólica: diagnóstico e tratamento

  • Daniele Q. Fucciolo Penalva Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Hospital das Clínicas
Palavras-chave: Obesidade, Doenças cardiovasculares, Diabetes Mellitus, Hipertensão, Resistência à insulina.

Resumo

A síndrome metabólica é definida com um grupo de fatores de risco que diretamente contribuem para o desenvolvimento de doença cardiovascular e/ou diabetes do tipo 2. A obesidade abdominal e a resistência à insulina parecem ter um papel fundamental na gênese desta síndrome. Seu tratamento deve ter como objetivo estimular mudanças no estilo de vida, que promovam a perda de peso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniele Q. Fucciolo Penalva, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Hospital das Clínicas
Residência em Endocrinologia, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Doutorado pelo Departamento de Clínica Médica em 2007.
Publicado
2008-12-18
Como Citar
Penalva, D. (2008). Síndrome metabólica: diagnóstico e tratamento. Revista De Medicina, 87(4), 245-250. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v87i4p245-250
Seção
Aprendendo