Endopróteses: opção terapêutica para estenoses traqueobrônquicas adquiridas

Autores

  • Daniel Marchi dos Anjos Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Jader Joel Machado Junqueira Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Diogo Bugano Diniz Gomes Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Ricardo Mingarini Terra Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Hélio Minamoto Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Fabio Biscegli Jatene Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v86i3p174-184

Palavras-chave:

Constrição patológica, Traquéia/cirurgia, Implante de prótese, Dispnéia/etiologia.

Resumo

A estenose traqueobrônquica é uma condição que cursa com dispnéia, estridor epneumonia obstrutiva, causada por diversas condições como tumores, compressão extrínseca e traqueobroncomalacia, porém a causa mais freqüente é a complicação resultante de intubação prolongada, sendo que ocorre em aproximadamente 1% das intubações. O tratamento de escolha para esta condição é a ressecção cirúrgica do segmento atingido, entretanto este procedimento não é possível em todos os pacientes e isto levou à adoção de técnicas endoscópicas paliativas. O uso de endopróteses para manter uma via aérea pérvia está entre as técnicas endoscópicas com melhores resultados. As endopróteses utilizadas atualmente dividem-se, principalmente, em próteses de silicone e metálicas expansíveis, cada uma com vantagens e desvantagens específicas. A presente monografia visa apresentar os principais modelos de endopróteses, comparando suas vantagens e desvantagens e índices de complicações, procurando sistematizar as indicações ideais para cada tipo de prótese.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniel Marchi dos Anjos, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Acadêmico do 5º Ano do Curso de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Jader Joel Machado Junqueira, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Acadêmico do 5º Ano do Curso de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Diogo Bugano Diniz Gomes, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Acadêmico do 4º Ano do Curso de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Ricardo Mingarini Terra, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Médico Assistente do Serviço de Cirurgia Torácica do Hospital das Clínicas da FMUSP (HCFMUSP) - Orientador.

Hélio Minamoto, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Médico Assistente do Serviço de Cirurgia Torácica do Hospital das Clínicas da FMUSP (HCFMUSP) - Orientador.

Fabio Biscegli Jatene, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina

Diretor do Serviço de Cirurgia Torácica do HCFMUSP - Orientador.

Downloads

Publicado

2007-09-26

Como Citar

Anjos, D. M. dos, Junqueira, J. J. M., Gomes, D. B. D., Terra, R. M., Minamoto, H., & Jatene, F. B. (2007). Endopróteses: opção terapêutica para estenoses traqueobrônquicas adquiridas. Revista De Medicina, 86(3), 174-184. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v86i3p174-184

Edição

Seção

Artigos Médicos