Características clínicas e morbidade de recém nascidos filhos de mães adolescentes em hospital universitário.

  • Lilian Renata Fiorelli Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
  • Vera Lúcia Jornada Krebs Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
Palavras-chave: Morbidade, Gravidez na adolescência, Mortalidade perinatal, Recém-nascido, Hospitais universitários.

Resumo

Objetivo: Descrever as características clínicas e a morbidade entre os recém nascidosde mães adolescentes em hospital universitário. Métodos: Estudo observacional de 220 recém-nascidos de mães com idade < 19 anos, no período de abril a setembro de 2003, cujos dados foram obtidos por análise de prontuários. Para comparar as características neonatais de acordo com a idade materna utilizou-se o teste exato de Fisher. Resultados:Houve 1552 partos, sendo 220 (14,2%) mães adolescentes; 50% foram partos normais, 28,6% fórcipe e 21,4% cesárea. A idade materna variou entre 14,2 e 18,9 anos (média = 17,3),havendo 33 (15%) menores de 16 anos; 49,6% não fizeram pré-natal ou compareceram em até 5 consultas. O uso de drogas, ocorreu em 18,6% das mães. O peso de nascimento variou  de 430g a 4335g (3006 ± 587 g); houve 12,3% pré-termos, 12,7% recém-nascidos de baixo peso e 12 (5,4%) pequenos para idade gestacional. A asfixia perinatal ocorreu em 2,2% dos casos e 4,1% apresentaram malformações congênitas (malformações múltiplas, cardiopatia,displasia congênita do quadril, papiloma pré-auricular, hemangioma gigante). Em 49,5% dos casos ocorreram patologias, principalmente trauma obstétrico, desconforto respiratório, eicterícia com mortalidade de 1,8%. Conclusões: O pré-natal foi ausente ou incompleto em 49% das mães, sendo freqüente o uso de drogas durante a gestação. A freqüência de malformações foi semelhante à da população geral. A prematuridade, o peso de nascimento< 1500 g, a asfixia perinatal e a mortalidade foram significativamente maiores entre os recém nascidos de mães com idade < 16 anos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lilian Renata Fiorelli, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
Acadêmica do 5° ano do curso de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
Vera Lúcia Jornada Krebs, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina
Professor Colaborador e Livre Docente da Disciplina de Pediatria Neonatal do Depto. de Pediatria da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Médica Chefe do Berçário Anexo à Maternidade do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
Publicado
2006-06-21
Como Citar
Fiorelli, L., & Krebs, V. (2006). Características clínicas e morbidade de recém nascidos filhos de mães adolescentes em hospital universitário. Revista De Medicina, 85(2), 44-49. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v85i2p44-49
Seção
Artigos Médicos