O diagnóstico da forma aguda da moléstia de Chagas

  • José Temístocles Aguiar Tartari Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.
  • Vicente Amato Neto Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Temístocles Aguiar Tartari, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.
Médico da Clínica de Doenças tropicais e Infectuosas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
Vicente Amato Neto, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.
Médico Interno da Clínica de Doenças Tropicais e Infectuosas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Assistente extranumerário do Departamento de Parasitologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
Publicado
1953-05-05
Como Citar
Tartari, J. T., & Amato Neto, V. (1953). O diagnóstico da forma aguda da moléstia de Chagas. Revista De Medicina, 37(206), 95-98. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v37i206p95-98
Seção
Não definida