Tratamento cirúrgico da doença de Parkinson

  • Manoel Jacobsen Teixeira Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Departamento de Neurologia.
  • Erich Talammoni Fonoff Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Departamento de Neurologia.
Palavras-chave: Doença e Parkinson/cirurgia, Transplante celular.

Resumo

Neste capítulo são abordados o histórico do tratamento cirúrgico da doença de Parkinson, as principais indicações e contra-indicações dos diversos tipos de procedimentos,
considerando as cirurgias clássicas de neuroablação (palidotomias e talamotomias), modernas técnicas de neuroestimulação cerebral profunda e, mais recentemente, perspectivas de abordagens relacionadas a transplantes neurais, particularmente protocolos atuais de transplante de células tronco.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Manoel Jacobsen Teixeira, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Departamento de Neurologia.

Médico neurocirurgião. Professor Doutor do Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina da Universidade
de São Paulo. Diretor da Divisão da Neurocirurgia Funcional do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Erich Talammoni Fonoff, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Departamento de Neurologia.

Médico neurocirurgião. Doutorando pelo Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina da Universidade de
São Paulo. Médico Residente da Divisão de Neurologia Funcional do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Publicado
2004-06-29
Como Citar
Teixeira, M., & Fonoff, E. (2004). Tratamento cirúrgico da doença de Parkinson. Revista De Medicina, 83(1-2), 1-16. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v83i1-2p1-16
Seção
Aprendendo