Desenvolvimento do sistema nociceptivo e supressor da dor

  • Massako Okada Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Hospital das Clínicas.
  • Manoel Jacobsen Teixeira Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.
  • Sérgio K. Tengan Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.
  • Lygia Oliveira de Moraes Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem.
Palavras-chave: Dor/fisiologia, Nociceptores/fisiologia, Sistema nervoso/anatomia & histologia, Idade gestacional.

Resumo

Há várias evidências de que nas fases precoces em desenvolvimento fetal ocorra a deflagração de mecanismos de
acarretam a estruturação anatômica e funcional do sistema nervoso sensitivo. Após o nascimento muitas modificações ocorrem durante os primeiros meses de vida extra-uterina. O conhecimento destas condições é necessário para melhorar a compreensão da dor e as atitudes analgésicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Massako Okada, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Hospital das Clínicas.

Médica Neuropediatra. Coordenadora do Centro de Dor da Clínica Neurológica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e da Liga de Dor do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e do Centro Acadêmico XXXI de Outubro da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.

Manoel Jacobsen Teixeira, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.

Médico neurocirurgião. Responsável pelo Centro de Dor do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e diretor da Liga da Dor do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e do Centro Acadêmico XXXI de Outubro da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.

Sérgio K. Tengan, Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina.

Médico Psiquiatra, membro da Liga de Dor do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e do Centro Acadêmico XXXI de Outubro da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.

Lygia Oliveira de Moraes, Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem.

Aluna de graduação da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo. Membro da Liga de Dor do Centro Acadêmico XXXI de Outubro da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.

Publicado
2001-06-29
Como Citar
Okada, M., Teixeira, M., Tengan, S., & Moraes, L. (2001). Desenvolvimento do sistema nociceptivo e supressor da dor. Revista De Medicina, 80(spe1), 78-93. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v80ispe1p78-93