Sobre a Revista

Foco e Escopo

A Revista Ingesta é uma publicação eletrônica de periodicidade semestral, editada por alunos de pós-graduação em História Social da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, membros do Laboratório de Estudos Históricos das Drogas e Alimentação (LEHDA), fundado em 2016 na mesma instituição. 

Nosso objetivo é publicar artigos, resenhas e dossiês temáticos (em português, inglês ou espanhol) produzidos por pós-graduandos e pesquisadores pós-graduados, que possam contribuir com o desenvolvimento dos estudos históricos sobre alimentação e drogas, em seus amplos aspectos. Textos relacionados ao campo da História serão privilegiados, mas aqueles que abordarem a temática e estiverem relacionados a disciplinas afins, como a Antropologia, a Sociologia, a Arqueologia, entre outras, também serão considerados para avaliação do Conselho Editorial e do Conselho Científico da revista.

Os trabalhos são recebidos continuamente ao longo do ano. Para serem selecionados e publicados, devem estar de acordo com as especificações detalhadas na seção “Submissões”. Em caso positivo, serão analisados em triagem inicial coordenada pelo Conselho Editorial e, em seguida, encaminhados para o processo de avaliação às cegas (mais informações no tópico "Avaliação pelos pares"). Não há pagamento pela publicação, nem cobrança sobre ela: a publicação de artigos e resenhas é gratuita e depende, exclusivamente, da avaliação e da aprovação dos conselhos editorial e científico da revista. 

Atenção: Devido aos atrasos decorrentes do atual contexto de pandemia, publicamos uma única edição da revista em 2020, no mês de setembro. Também por causa dessas mudanças, interrompemos, temporariamente, o recebimento de artigos em fluxo contínuo para as edições posteriores. Anunciaremos, aqui, o retorno das atividades e a próxima chamada de trabalhos. 

 

Primeira edição

Excepcionalmente, para a nossa primeira edição, desenvolvemos um volume especial, somente com artigos de professores e pesquisadores convidados. Publicado em março de 2019, foi elaborado em conjunto com um editor também convidado, o sociólogo Carlos Alberto Dória, especializado em cultura culinária, autor dos livros Formação da culinária brasileira (2014) e A culinária caipira da Paulistânia (2018) e do blog e-BocaLivre

 

Processo de Avaliação pelos Pares

  1. Para assegurar a integridade da avaliação cega por pares, tomaremos todos os cuidados possíveis para não revelar a identidade de autores e pareceristas entre si durante o processo de avaliação. Isto exige que sejam tomadas as seguintes precauções: 

  2. a) Os autores devem excluir do texto o próprio nome, substituindo com “Autor” as auto-referências necessárias.

    b) Nos documentos do Microsoft Office, a identidade do autor deve ser removida das propriedades do documento (no menu Arquivo > Propriedades), iniciando em Arquivo, no menu principal, e clicando na sequência: Salvar como... > Ferramentas (ou Opções, no caso de Mac) > Opções de segurança... > Remover informações pessoais do arquivo ao salvar > OK > Salvar.

  3. Ao serem inseridos no sistema da revista, os textos são enviados a dois pareceristas do Conselho Científico (ou um parecerista, no caso de resenhas). Em caso de conflito, eles seguem ainda para um terceiro membro do Conselho Científico, para desempate. Resulta, daí, a aprovação ou a reprovação dos textos, com solicitação ou não de reformulações (caso ocorra este pedido, é dado um prazo, que varia conforme o cronograma de cada edição, para que o autor envie uma nova versão revisada).

  4. Cabe ao Conselho Editorial a decisão referente à oportunidade da publicação dos textos recebidos.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Histórico do periódico

O campo dos estudos históricos sobre drogas e alimentação vem ganhando espaço acadêmico no Brasil e em outros países, mas sabemos que esse é um movimento recente e ainda embrionário. Em meio a esse cenário em desenvolvimento, criamos a Revista Ingesta, uma publicação acadêmica eletrônica, de periodicidade semestral, produzida pelo Laboratório de Estudos Históricos das Drogas e Alimentação (LEHDA) do Departamento de História da Universidade de São Paulo. A revista tem o objetivo de divulgar trabalhos dessa área de pesquisa em expansão e de contribuir para a sua consolidação. Publicamos artigos e resenhas de livros na área de História e em disciplinas afins (Sociologia, Antropologia etc.) que se referem tanto ao tema das drogas quanto ao da alimentação, bem como à relação entre esses assuntos.

ISSN 2596-3147