A Hora da Estrela entre a ficção e a realidade: ou o trágico em Macabéa

  • Fábio Takao Masuda Universidade de São Paulo
  • Rogério de Almeida Universidade de São Paulo

Resumo

Explicitaremos as relações entre ficção e história, tendo como objeto A Hora da Estrela, de Clarice Lispector. Tal escolha se deve pelo fato da obra clariceana ser caracterizada como intimista, embora acreditemos que seja possível compreender as consequências sociais acarretadas pelo processo de modernização no Brasil, ocorrido na segunda metade do século XX, através da análise não só da personagem Macabéa, como também do narrador Rodrigo S. M., de modo a situar a obra entre ficção e realidade. É nessa zona de indeterminação e ambivalência que se instaura o caráter trágico de Macabéa, ao afirmar a vida diante da morte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio Takao Masuda, Universidade de São Paulo
Departamento de História da USP
Rogério de Almeida, Universidade de São Paulo
Faculdade de Educação da USP
Publicado
2017-02-03
Como Citar
Masuda, F., & Almeida, R. (2017). A Hora da Estrela entre a ficção e a realidade: ou o trágico em Macabéa. Intelligere, 3(1), 31-41. https://doi.org/10.11606/issn.2447-9020.intelligere.2017.117093