A obra de câmara de Jorge Peixinho

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/rm.v18i1.147134

Resumo

O presente trabalho é uma reflexão sobre a totalidade da obra de câmara (até 5 instrumentos e vozes) de Jorge Peixinho (1940-1995), numa perspectiva informada através do estudo dos manuscritos, de catálogos atualizados e analisados criticamente, da edição crítica de obras já realizada num projeto específico, e de estudos parciais, dos quais se salientam estudos críticos sobre a obra para piano e sobre a obra para voz, sobre o G.M.C.L. (Grupo de Música Contemporânea de Lisboa), sobre os escritos e o pensamento de J. P., e trabalhos de pesquisa de investigadores diversos. O trabalho apresenta uma visão sistemática e crítica sobre diversas facetas estéticas e técnicas presentes no corpus analisado, tentando uma caracterização desse mesmo conjunto de obras e do seu compositor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Monteiro, Escola Superior de Educação

Ba.Mus. - piano, Conservatório de Porto (Portugal). Dipl.Mus. - piano, Universidade de Música e Artes representativas de Viena (Áustria), M.A. - Musicologia, Fac. Letras, Universidade de Coimbra (Portugal). Ph.D. - Música Contemporânea, Universidade de Sheffield, R.U.). Pianista, compositor, professor, musicólogo, investigador. Prof. Coordendor na ESE/IPP. Investigador no INET - MD.

Downloads

Publicado

2018-08-27

Como Citar

Monteiro, F. (2018). A obra de câmara de Jorge Peixinho. Revista Música, 18(1), 25-46. https://doi.org/10.11606/rm.v18i1.147134

Edição

Seção

Artigos