Análise do Coral "Em Memória de Meu Pai" de Camargo Guarnieri

Autores

  • Sérgio Vasconcellos Corrêa Instituto de Artes da UNESP

DOI:

https://doi.org/10.11606/rm.v4i1.55051

Resumo

O coral "Em memória de meu pai" de Camargo Guarnieri foi composto a 24 de agosto de 1973. Apesar da sua brevidade (38 compassos), configura-se como uma das obras mais significativas e representativas da produção coral do autor. Nela podemos sentir a sua emotividade (contida, é bem verdade, mas ...) sempre presente; o extraordinário aprimoramento técnico, responsável pela posição que ocupa no cenário musical das Américas, além daquela postura avessa ao exibicionismo, marca patente que tão bem encobre o virtuosismo e faz da sua música (esteticamente nada fácil) um primor de simplicidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sérgio Vasconcellos Corrêa, Instituto de Artes da UNESP

Compositor e Professor Adjunto do Departamento de Música do Instituto de Artes da UNESP

Downloads

Publicado

1993-05-01

Como Citar

Corrêa, S. V. (1993). Análise do Coral "Em Memória de Meu Pai" de Camargo Guarnieri. Revista Música, 4(1), 05-18. https://doi.org/10.11606/rm.v4i1.55051

Edição

Seção

Artigos