As ocupações ceramistas no vale do rio Peruaçu

Autores

  • André Prous Universidade Federal de Minas Gerais.
  • Marcos Eugênio Brito Universidade Federal de Minas Gerais.
  • Márcio Alonso Lima Universidade Federal de Minas Gerais.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1994.109195

Palavras-chave:

Arqueologia em Minas Gerais - Tecnologia pré-histórica - Micro-vestígios de utilização - Horticultores.

Resumo

Este trabalho apresenta o instrumental das populações pré- históricas recentes que ocuparam os abrigos do Vale do Peruaçu (Alto Médio São Francisco, MG). A ocupação pré-histórica tardia dos abrigos deixou registros muito variados: estruturas de habitação, sepultamentos, depósitos alimentares. Neste trabalho, descrevemos os artefatos de fibra vegetal, madeira, cera, osso, concha e cerâmica, além da indústria lítica. A análise tecnotipológica desta evidencia a existência de pelo menos dois conjuntos de indústria lítica nos abrigos. Um deles, caracterizado por suportes pequenos, raspadores côncavos e artefatos atípicos, é associado à cerâmica Una com a qual co-existe nas camadas superiores dos abrigos escavados. O outro conjunto, encontrado na superfície dos abrigos, caracterizado por grandes pré-formas lascadas de sílex para machado, lascas grandes e com tipos retocados característicos (utilizados para trabalhar a madeira). Atribuímo-los aos últimos habitantes da região. A indústria lítica dos sítios tupiguarani a céu aberto não foi ainda estudada. A presença de pelo menos três culturas sucessivas (Una, Tupiguarani e outra, ainda sem denominação) no período pré-histórico tardio parece corresponder às rápidas mudanças da arte rupestre durante os dois últimos milênios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Prous, Universidade Federal de Minas Gerais.

Responsável pela análise tecno-tipológica.

Marcos Eugênio Brito, Universidade Federal de Minas Gerais.

Responsável pelo desenho arqueológico.

Márcio Alonso Lima, Universidade Federal de Minas Gerais.

Responsável pela análise traceológica.

Downloads

Publicado

1994-12-19

Como Citar

Prous, A., Brito, M. E., & Lima, M. A. (1994). As ocupações ceramistas no vale do rio Peruaçu. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (4), 71-94. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1994.109195

Edição

Seção

Artigos