El objeto y la construcción de sentido en colecciones etnográficas.

Autores

  • Maria Marta Reca Museo de Ciencias Naturales de La Plata. U.N.L.P. Departamento Científico de Etnografía

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1996.109273

Palavras-chave:

Cultura material - Coleção - Etnografia - Contexto de significação - Estudo descritivo.

Resumo

As condições de análise da cultura material e os marcos cenceituais, a partir dos quais podem ser lidos os objetos, adotam um caráter singular no estudo de coleções etnográficas. A partir da apresentação des aspectos teórico-metodológicos vinculados ao tipo de referente tratado e aos processos de interrogação a que são submetidos os «objetos» pelo investigador, se propõem diversos níveis de contextualização que põem em evidência a passagem da dimensão material à dimensão simbólica, constituindo as instâncias referenciais de atribuição de sentido. Este processo se exemplifica em um conjunto de máscaras que fazem parte do Departamento Científico de Etnografía do Museu de La Plata.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

1996-12-12

Como Citar

Reca, M. M. (1996). El objeto y la construcción de sentido en colecciones etnográficas. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (6), 269-273. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1996.109273

Edição

Seção

Artigos