arqueologia patrimônio museologia etnologia diversidade cultural
Voltar aos Detalhes do Artigo Comparação do registro rupestre do Médio São Francisco com motivos gráficos do grupo lingüístico Tukâno: um teste para a hipótese xamânica. Baixar Baixar PDF