Estudo preliminar das paleopatologias da popula­ ção do sam baqui Jaboticabeira II, Jaguaruna, SC.

Autores

  • Camila Storto Universidade de São Paulo. Instituto de Biociências. Departamento de Biologia. Laboratório de Antropologia Biológica
  • Sabine Eggers Universidade de São Paulo. Instituto de Biociências. Departamento de Biologia. Laboratório de Antropologia Biológica
  • Marta Mirazón Lahr Universidade de São Paulo. Instituto de Biociências. Departamento de Biologia. Laboratório de Antropologia Biológica

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1999.109342

Palavras-chave:

Sambaqui - Paleopatologia - Povoamento litorâneo - Brasil - Pré-História.

Resumo

O presente trabalho é um estudo preliminar em paleopatologia da amostra de esqueletos humanos recuperada durante a primeira campanha de pesquisas no sambaqui Jaboticabeira II (SC), em 1997. Padrões metodológicos internacionalmente aceitos foram utilizados para a obtenção de parâmetros de composição demográfica, aspectos de saúde e modo de vida. A ausência de cáries, a grande ocorrência de infecções e a baixa prevalência de artrite foram alguns dos resultados obtidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1999-12-17

Como Citar

Storto, C., Eggers, S., & Lahr, M. M. (1999). Estudo preliminar das paleopatologias da popula­ ção do sam baqui Jaboticabeira II, Jaguaruna, SC. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (9), 61-71. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.1999.109342

Edição

Seção

Artigos