Trocas, tributos e comércio: o papel dos pochteca na organização do Estado Mexica.

Autores

  • Marcia M. Arcuri Universidade de São Paulo. Museu de Arqueologia e Etnologia. Centro de Estudos Mesoamericanos e Andinos

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2003.109487

Palavras-chave:

Pochteca - Mexica - Economia - Política - Arqueologia - História - Metodologia

Resumo

Até a década de 1970, os estudos voltados à sociedade mexica basearam-se fundamentalmente nas fontes espanholas escritas no século XVI. Este trabalho apresenta uma discussão metodológica que parte da análise do papel dos pochteca (mercadores de longa distância) na articulação da economia mexica, com base nas fontes indígenas. Essa discussão metodológica procura demonstrar como os avanços das investigações arqueológicas e os estudos interdisciplinares mais recentes tomam evidente que a função dos pochteca no equilíbrio do Estado mexica é muito mais complexa do que sua mera identificação com o comércio de longa distância

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2003-12-23

Como Citar

Arcuri, M. M. (2003). Trocas, tributos e comércio: o papel dos pochteca na organização do Estado Mexica. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (13), 139-151. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2003.109487

Edição

Seção

Artigos