Hipóteses de trabalho: disciplinando o raciocínio

Autores

  • Tom O. Miller Universidade Federal do Rio Grande do Norte

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2009.89866

Palavras-chave:

Lógica do método científico, Geração de hipóteses múltiplas, Arqueologia, Lógica Simbólica

Resumo

Após considerações teóricas em torno do raciocínio científico na elaboração e teste de hipóteses, o autor, manipulando os elementos da Lógica Simbólica para gerar hipóteses alternativas, considera as vantagens do uso desta como um instrumento de exame e esclarecimento das relações entre os fenômenos em estudo. As suas conclusões, embora inseridas no contexto da Arqueologia, valem para qualquer ciência social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tom O. Miller, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Professor aposentado do Departamento de Ciências Sociais (agora Departamento de Antropologia) e do Museu “Câmara Cascudo” da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Downloads

Publicado

2009-12-17

Como Citar

Miller, T. O. (2009). Hipóteses de trabalho: disciplinando o raciocínio. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (19), 3-12. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2009.89866

Edição

Seção

Artigos