Consumo de vasijas cerámicas en un contexto público tardio del Pucara de Volcán (Dto. Tumbaya, Jujuy, Argentina)

Autores

  • Maria Beatriz Cremonte Universidad Nacional de Jujuy. Instituto de Geología y Minería
  • Agustina Scaro Universidad Nacional de Jujuy. Instituto de Geología y Minería

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2010.89919

Palavras-chave:

Noroeste da Argentina, Quebrada de Humahuaca, Pucara de Volcán, Consumo de cerâmica

Resumo

Neste trabalho se analisam as cerâmicas escavadas em dois recintos e uma lixeira do Pucara de Volcán e se estabelecem hipóteses sobre o consumo diferencial da cerâmica neste contexto Inca local da Quebrada de Humahuaca. O Pulcara de Volcán é um assentamento conglomerado de aproximadamente 7 hectares, ocupado com maior intensidade durantes os Períodos dos Desenvolvimentos Regionais (Intermediário Tardio) e Inca. O recinto R5 está situado no setor ocidental do assentamento, diretamente associado ao recinto R@, à lixeira Tum 1B2 e a um complexo de praça-montículo artificial cemitério. Os três contextos cerâmicos estudados indicam um consumo em nível supradoméstico: R5 como lugar de preparação de alimentos a ser consumidos em eventos públicos, Tum 1B2 como área de descarte do vasilhame de serviço e R2 como provável depósito de grandes vasilhas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2010-12-09

Como Citar

Cremonte, M. B., & Scaro, A. (2010). Consumo de vasijas cerámicas en un contexto público tardio del Pucara de Volcán (Dto. Tumbaya, Jujuy, Argentina). Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia, (20), 147-161. https://doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2010.89919

Edição

Seção

Artigos