[1]
C. R. C. Gradim, “Tradição grega, inovação romana: edifícios balneários no Norte da África – o caso egípcio”, Rev. Mus. Arqueol. Etnol., nº 32, p. 79-86, nov. 2019.