Estrangeiros na metrópole: territórios e fronteiras da alteridade em São Paulo

  • Maura Pardini Bicudo Véras Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados
Palavras-chave: cidade, imigração, territórios, alteridade, vulnerabilidade, segregação.

Resumo

No contexto dos fluxos de população provocados pela globalização contemporânea, os deslocamentos para São Paulo, sede metropolitana de maior vulto no país, revestem-se de múltiplos significados. Propõe-se debater, à luz de referências teóricas, ainda introdutórias, a complexa rede de interpretações tanto sobre a inserção quanto a resistência de estrangeiros na cidade, por meio da constituição de territorialidades, de processos de estigmatização e alteridade, das condições de trabalho e moradia, configurações de viver na fronteira e na vulnerabilidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maura Pardini Bicudo Véras, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados
é professora titular de Sociologia e do Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais da PUC-SP e membro do grupo Diálogos Interculturais do IEA-USP.
Publicado
2017-09-16
Como Citar
Véras, M. (2017). Estrangeiros na metrópole: territórios e fronteiras da alteridade em São Paulo. Revista USP, (114), 45-54. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i114p45-54
Seção
Dossiê Interculturalidades