Alma migrante

  • Plinio Montagna Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo
Palavras-chave: migração, identidade, eu, objeto, trauma.

Resumo

A partir do termo “alma”, utilizado originalmente na obra de Freud, o artigo discute a migração humana em seus componentes intra e interpsíquicos, aspectos identitários e as ansiedades despertadas em processo de potencial traumático podendo levar a experiências de despersonalização e desrealização. As migrações apresentam a necessidade de elaborar lutos. A resiliência psicológica significa poder retornar ao modo de ser em outro espaço. O artigo se pauta, além de Sigmund Freud, em contribuições de importantes autores da psicanálise, como Melanie Klein, Wilfred Bion, John Wisdom, Leon Grinberg e Rebecca Grinberg, Nicole Berry, Salmon Akhtar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Plinio Montagna, Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo
é psicanalista didata e docente da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo (SBPSP), da qual foi diretor científico e presidente.
Publicado
2017-09-16
Como Citar
Montagna, P. (2017). Alma migrante. Revista USP, (114), 109-118. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i114p109-118
Seção
Dossiê Interculturalidades