[1]
H. Campos, O que é mais importante: a escrita ou o escrito?, REVUSP, nº 15, p. 76-89, nov. 1992.