[1]
E. J. M. A. Sobrinho, “Saúde em São Paulo: dificuldades e esperança”, Rev. USP, nº 51, p. 38-43, nov. 2001.