[1]
A. M. Solon, “Nove pensadores e uma religião”, Rev. USP, nº 94, p. 192-195, ago. 2012.