[1]
Bittar, E.C.B. 2003. Nietzsche: niilismo e genealogia moral. Revista da Faculdade de Direito, Universidade de São Paulo. 98, (jan. 2003), 477-501.