Fixação de tecidos de peixes de água doce

Autores

  • Mikico Tokumaru Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Histologia e Embriologia, São Paulo, SP
  • Heloísa Godinho Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo, Departamento de Produção Animal, São Paulo, SP
  • Antônio Guimarães Ferri Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Histologia e Embriologia, São Paulo, SP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2318-5066.v7i4p841-848

Palavras-chave:

O artigo não apresenta palavras-chave.

Resumo

As experiências realizadas demonstraram que a preservação dos tecidos de peixes de água doce varia com a natureza do material e do fixador. Tratando diferentes tecidos de Pimelodus maculatus com variados líquidos fixadores, os autores observaram melhores resultados com a seguinte mistura: formol, 10% —100 ml, bicloreto de mercúrio, 1,0 g, ácido acético glacial, 0,5 ml.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1968-12-15

Como Citar

Tokumaru, M., Godinho, H., & Ferri, A. G. (1968). Fixação de tecidos de peixes de água doce. Revista Da Faculdade De Medicina Veterinária, Universidade De São Paulo, 7(4), 841-848. https://doi.org/10.11606/issn.2318-5066.v7i4p841-848

Edição

Seção

NÃO DEFINIDA