Representações Sociais de Violência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/rg&pp.v8i1.147970

Palavras-chave:

violência, tipos de violência, representações sociais, segurança humana, eficácia política

Resumo

Este artigo apresenta resultado de pesquisa sobre representações sociais de violência e tipos de violência vivenciados por diferentes segmentos sociais no distrito de Itaquera, no município de São Paulo. Utilizando grupos focais e embasado na teoria das Representações Sociais de Serge Moscovici, o estudo identificou diferenças importantes entre os grupos. Também foi investigado o grau de eficácia política de cada segmento; ou seja, como cada grupo intervém e reage às violências. O conceito de Segurança Humana, de Amartya Sen, é apresentado como recurso para minimizar as desigualdades e a violência em todas as suas formas.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Adelina França, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Doutora e mestre em Psicologia Social pela PUC-SP. Especialista em Gestão Pública Legislativa pela EACH e em Direitos Humanos pela Universidade do Largo do São Francisco.

Downloads

Publicado

2018-08-14

Como Citar

França, M. A. (2018). Representações Sociais de Violência. Revista Gestão & Políticas Públicas, 8(1), 1-18. https://doi.org/10.11606/rg&pp.v8i1.147970