A Urgente Necessidade da Inclusão de Psicologia Política nos Cursos de Direito no Brasil

Autores

  • Aline da Silva Freitas Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/rg&pp.v8i1.174517

Resumo

Resumo: A presente pesquisa sustenta a urgente necessidade da inclusão de Psicologia Política como componente curricular nos Cursos de Direito das Faculdades de Direito do Brasil, públicas ou privadas. Para tanto, contempla inicialmente noções gerais do conceito de Psicologia Política, apontando-a como um “campo interdisciplinar dinâmico”, que observa fenômenos políticos a partir do indivíduo e do coletivo, com temas de central interesse e relevância social. Após, apresenta a interface da Psicologia Política com o Direito, correlacionando objetos de estudo daquela com temas abordados em algumas disciplinas do Curso em questão, como Direito Constitucional e Psicologia Jurídica, entre outras. Para análise, toma-se por base o currículo dos melhores cursos segundo o Ranking Universitário da Folha. A partir disso, nota-se que Psicologia Política poderia atuar como matéria interdisciplinar, com elevado teor crítico-reflexivo, o que poderia auxiliar os estudantes de Direito para este tipo de visão, bem como gerar o aprofundamento de discussões sobre aplicabilidade de institutos, papel e efetividade das leis, bem como ainda, o mais importante, a potencialidade do direito diante de questões contemporâneas. Sustenta-se que o estudante também será melhor cidadão, consciente de si e da coletividade. Como tópico final, será recomendada a Psicologia Política como componente nos Cursos de Direito, sugerindo sua obrigatoriedade, eis que essencial à formação de todos os estudantes. Será levantada, neste item, a hipótese de estruturação da Psicologia Política do Direito, a mercê do que ocorreu nos cursos jurídicos com a Filosofia e a Psicologia Jurídica.

Palavras-chave: Psicologia Política; Componente curricular; Cursos de Direito; Psicologia Política Jurídica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-08-14

Como Citar

Freitas, A. da S. (2018). A Urgente Necessidade da Inclusão de Psicologia Política nos Cursos de Direito no Brasil. Revista Gestão & Políticas Públicas, 8(1), 54-73. https://doi.org/10.11606/rg&pp.v8i1.174517