Políticas públicas de segurança alimentar no Brasil: Uma análise do Programa de Restaurantes Populares

  • Maetê Pedroso Gonçalves Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)
  • Silvana Terezinha de Campos Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)
  • Flavia Mori Sarti Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)

Resumo

O artigo buscou avaliar o Programa de Restaurantes Populares do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) a partir do perfil dos beneficiários atendidos nas unidades de alimentação e nutrição pesquisadas no programa. O programa é parte integrante das ações de segurança alimentar desenvolvidas pelo governo federal. A partir do conceito de segurança alimentar como um direito humano fundamental, buscou-se verificar se os usuários dos Restaurantes Populares abarcavam o público-alvo inicialmente designado pela política pública em questão, cuja formulação contemplava primordialmente indivíduos em situação de vulnerabilidade sócio-econômica residentes em centros urbanos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maetê Pedroso Gonçalves, Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)
Bacharel em Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo. Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina (PROLAM-USP).
Silvana Terezinha de Campos, Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)
Bacharelanda em Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo.
Flavia Mori Sarti, Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH-USP)
Docente do Bacharelado em Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo.
Publicado
2011-06-26
Como Citar
Gonçalves, M., Campos, S., & Sarti, F. (2011). Políticas públicas de segurança alimentar no Brasil: Uma análise do Programa de Restaurantes Populares. Revista Gestão & Políticas Públicas, 1(1). Recuperado de http://www.revistas.usp.br/rgpp/article/view/97826
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)