Mujeres y patrimonio cultural

el desafío de preservar lo que se invisibiliza

  • Jaqueline Vassallo Universidade Nacional de Córdoba (UNC, Córdoba, Argentina)
Palavras-chave: feminismo, patrimônio cultural das mulheres, arquivos sobre mulheres

Resumo

Neste artigo, pretendemos refletir sobre as estratégias desenvolvidas pelo feminismo em relação à problematização, avaliação, visibilidade e institucionalização do patrimônio cultural das mulheres. Procuramos dar exemplos concretos de algumas estratégias elaboradas pelo feminismo acadêmico que foram seguidas por um grupo de arquivistas argentinos para a identificação de documentos relacionados com e sobre as mulheres, no Arquivo Geral e Histórico da Universidade Nacional de Córdoba e na Biblioteca da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da referida Universidade, tanto na elaboração de instrumentos descritivos como na organização de arquivos pessoais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jaqueline Vassallo, Universidade Nacional de Córdoba (UNC, Córdoba, Argentina)

Professora titular da Escola de Arquivologia da Faculdade de Filosofia e Humanidades da Universidade Nacional de Córdoba (UNC) e pesquisadora independente do Conselho Nacional de Investigações Científicas e Técnicas
(Conicet) da Argentina.

Publicado
2018-12-13
Como Citar
Vassallo, J. (2018). Mujeres y patrimonio cultural. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (71), 80-94. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i71p80-94
Seção
Dossiê: Mulheres, arquivos e memórias