Sobre a ausência e o surgimento da noção de regionalismo na literatura brasileira

notas para repensar o problema

Palavras-chave: Regionalismo, literatura regional, crítica, história social

Resumo

O artigo examina a ausência da noção de regionalismo na crítica e na história literária brasileiras no século XIX, pois, ao contrário do que se entende, o conceito ingressou em nosso circuito crítico como modo de conceber a literatura brasileira somente no século XX. Nesse sentido, o ensaio investiga as razões dessa ausência, ainda que já houvesse produção literária que figurasse a vida rural/provincial, como também procura sinalizar o momento limiar do seu surgimento no pensamento literário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernando Cerisara Gil, Universidade Federal do Paraná (UFPR, Curitiba, PR, Brasil)

Professor de Literatura Brasileira e Teoria Literária do Departamento de Literatura e Linguística da Universidade Federal do Paraná (Dellin/UFPR).

Publicado
2019-04-17
Como Citar
Gil, F. (2019). Sobre a ausência e o surgimento da noção de regionalismo na literatura brasileira. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (72), 47-62. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i72p47-62
Seção
Artigos