O espírito do lugar na subjetividade de Drummond

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i73p285-289

Palavras-chave:

Dimensão oculta, espírito do lugar, espaço, lugar

Resumo

Este breve artigo destaca e argumenta como esse ensaio sobre a obra de Carlos Drummond de Andrade se estruturou tendo como uma de suas bases o que o antropólogo Edward Hall (2005) denominava a “dimensão oculta”. Na verdade, ele se referia ao espaço, aquela materialidade de nossas vidas, nem sempre considerada, mas de relevância notória. Uma relevância para além da funcionalidade óbvia, pois capaz de participar como elemento ativo não só da vida social, mas também da formação da subjetividade dos indivíduos e, nesse caso, do poeta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-09-04

Como Citar

Oliva, J. T. (2019). O espírito do lugar na subjetividade de Drummond. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (73), 285-289. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i73p285-289

Edição

Seção

Resenhas