O pensamento intelectual e sua preservação

uma análise a partir do Fundo Waldisa Rússio Camargo Guarnieri

Palavras-chave: Arquivos pessoais, museologia, preservação patrimonial, Waldisa Rússio Camargo Guarnieri

Resumo

Este artigo tem como objetivo discutir a utilização de documentos presentes no Fundo Waldisa Rússio Camargo Guarnieri, salvaguardado no Arquivo do Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo (IEB/USP), na tentativa de retomada do pensamento da professora e museóloga brasileira Waldisa Rússio, com a apresentação de análise de documentos feitos fora de uma lógica de produção teórica, e que, portanto, não foram pensados por sua produtora como forma de síntese de seu pensamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viviane Panelli Sarraf, Universidade de São Paulo (USP, São Paulo, SP, Brasil)

Viviane Panelli Sarraf é pesquisadora colaboradora do Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo (IEB/USP), pesquisadora responsável e principal do Auxílio à Pesquisa – Jovem Pesquisador Fapesp e coordenadora do Grupo de Estudo e Pesquisa Acessibilidade em Museus (Gepam).

Karoliny Aparecida de Lima Borges, Universidade de São Paulo (USP, São Paulo, SP, Brasil)

Karoliny Aparecida de Lima Borges é mestranda no Programa de Pós-Graduação em Culturas e Identidades Brasileiras do IEB/USP.

Publicado
2019-12-11
Como Citar
Sarraf, V., & Borges, K. A. (2019). O pensamento intelectual e sua preservação. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (74), 345-350. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i74p345-350
Seção
Documentação