Indicações terapêuticas e reações adversas da gamaglobulina intravenosa

  • Núria Matamoros Florí Hospital Universitari Son Espases
Palavras-chave: Imunoglobulinas, Terapia Biológica, Função Imunológica.

Resumo

A primeira indicação terapêutica e, ainda hoje, a mais utilizada da gamaglobulina humana é aquela que usa a sua capacidade de substituição em pacientes com deficiências de anticorpos. Sua capacidade imunomoduladora, com atividades pro e anti-inflamatória, ocupam segundo lugar dentro de suas indicações, em doenças autoimunes e inflamatórias. As primeiras gamaglobulinas que foram utilizadas nos anos 50 em pacientes com agamaglobulinemia, tinham aplicação intramuscular, com limitações significativas relativas à dor, ao volume e a quantidade de infusão. Durante os últimos 20 anos, as imunoglobulinas intravenosas (IVIG) têm sido amplamente utilizadas em patologias humanas diversas. As primeiras IVIG tratadas por enzimas proteolíticas permitiram a infusão de grandes quantidades, obtendo assim níveis mais elevados de IgG sérica circulante, com um perfil de subclasses semelhante ao da população normal e uma vida média muito superior. O esforço da indústria farmacêutica fez com que aparecessem novas imunoglobulinas mais purificadas e com maior segurança contra infecções virais. Os métodos de Cohn e cold etanol foram rapidamente complementados com outros procedimentos que reforçavam a segurança antiviral desses produtos. A aplicação de técnicas moleculares para o estudo de rastreio do plasma dos doadores, bem como a incorporação de novos processos de inativação viral durante seu processo de fabricação, faz das IVIG um produto seguro cujo consumo tem aumentado exponencialmente nos últimos anos. O alto custo das IVIG, os hipotéticos problemas de desabastecimento de plasma e os riscos associados à sua administração tornaram essencial a redação de protocolos de uso para as agências oficiais que os hospitais também adotaram.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Núria Matamoros Florí, Hospital Universitari Son Espases
Servei d’Inmunología. Hospital Universitari Son Espases
Publicado
2014-03-30
Como Citar
1.
Florí N. Indicações terapêuticas e reações adversas da gamaglobulina intravenosa. Medicina (Ribeirao Preto Online) [Internet]. 30mar.2014 [citado 28jan.2020];47(1):20-4. Available from: http://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/80093
Seção
Revisão
Bookmark and Share