Afastamento e retorno ao trabalho: relatos de servidores públicos municipais

  • Ana Carolina Toniolo Prefeitura Municipal de Piracicaba
  • Isabela Aparecida de Oliveira Lussi Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Palavras-chave: Trabalho, Retorno ao trabalho, Transtornos mentais, Saúde do trabalhador.

Resumo

objetivo do estudo foi verificar qual(is) suporte(s) trabalhadores afastados por transtornos mentais e do comportamento receberam no momento do afastamento do trabalho, mas,
especialmente, no retorno às atividades, após receberem benefício auxílio-doença concedido pelo INSS. Participaram do estudo sete trabalhadores de uma Prefeitura Municipal do interior do estado de São Paulo, que conseguiram retornar às atividades de trabalho após serem afastados por 30 dias ou mais com diagnóstico primário de Transtornos Mentais e do Comportamento, no período de janeiro de 2008 a dezembro de 2012. A coleta de dados se deu por meio do preenchimento de um protocolo de informações pessoais, profissionais e referentes ao processo de afastamento e retorno ao trabalho e da aplicação de uma entrevista semiestruturada. Para análise dos dados, foi utilizada a técnica de Análise Temática. Os
resultados mostraram que os participantes identificam família, amigos, profissionais da saúde e da prefeitura e eles mesmos como suporte durante o afastamento e no retorno às atividades de trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carolina Toniolo, Prefeitura Municipal de Piracicaba
Terapeuta Ocupacional pela Universidade Federal de São Carlos (2010). Mestre em Terapia Ocupacional pelo Programa de Pós-Graduação em Terapia Ocupacional da Universidade Federal de São Carlos - PPGTO/UFSCar (2014). Terapeuta Ocupacional da Prefeitura Municipal de Piracicaba.
Isabela Aparecida de Oliveira Lussi, Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Professora Adjunta da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar, desde setembro de 2005, vinculada ao Departamento de Terapia Ocupacional, ao Programa de Pós-Graduação em Terapia Ocupacional e ao Núcleo Multidisciplinar e Integrado de Estudos, Formação e Intervenção em Economia Solidária (NuMI-EcoSol) de São Carlos-UFSCar.
Publicado
2016-08-17
Como Citar
Toniolo, A., & Lussi, I. (2016). Afastamento e retorno ao trabalho: relatos de servidores públicos municipais. Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 27(2), 123-130. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v27i2p123-130
Seção
Artigo Original