Uma Nota sobre a Entrada de Capitais Estrangeiros e as Taxas de Crescimento do Produto

  • Edmar L. Bacha Instituto de Planejamento Econômico e Social Escola de Pós-Graduação em Economia - Fundação Getúlio Vargas

Resumo

Uma das questões principais na controvérsia sôbre a desiderabilidade da entrada de capitais privados estrangeiros nos países subdesenvolvidos refere-se ao impacto dêsses capitais sôbre a taxa de crescimento do produto do país receptor. De um lado, alega-se que a entrada dêsses capitais é benéfica por êles suplementarem a poupança doméstica deficiente, permitindo aos países subdesenvolvidos alcançar taxas mais altas de crescimento. Por outro lado, afirma-se que a remessa ao exterior de juros, “ royalties” e dividendos sôbre os capitais investidos mais do que compensam os possíveis efeitos benéficos da entrada de capitais estrangeiros, tendo como resultado líquido, uma redução antes que um acréscimo na taxa de crescimento do produto do país receptor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edmar L. Bacha, Instituto de Planejamento Econômico e Social Escola de Pós-Graduação em Economia - Fundação Getúlio Vargas

Economista

Professor

Publicado
2018-02-09