Portal da USP Portal da USP Portal da USP

A criação do Instituto Martim Gonçalves e como documentos não surgem (ou são preservados) pela vontade dos deuses

Jussilene Santana

Resumo


Relato de uma atriz pesquisadora do teatro brasileiro que, ao investigar a história da criação da Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia e a sua primeira administração (1956-1961), fez da principal dificuldade – a “falta de documentação” sobre o episódio – um estímulo e missão.

Palavras-chave


História e historiografia, Teatro moderno, Ensino de teatro no Brasil

Texto completo:

PDF

Referências


BRIGGS, A.; BURKE, P. Uma história social da mídia: de Gutenberg à internet. Rio de Janeiro: Zahar, 2006. 376 p.

CARVALHO, M. S. S. Imagens de um tempo em movimento: cinema e cultura na Bahia nos anos JK (1956-1961). Salvador: Edufba, 1999. 282 p.

FRANCO, A. O teatro na Bahia através da imprensa: século XX. Salvador: Fundação Casa de Jorge Amado, 1994. 408 p.

GONÇALVES, E. A notícia como capital político no jornalismo baiano. Pauta Geral, Salvador, n. 3, p. 58-71, jan./dez. 1995.

LEÃO, R. M. Abertura para outra cena: o moderno teatro da Bahia. Salvador: Fundação Gregório de Mattos; Edufba, 2006. 278 p.

MOTTER, P. O uso político das concessões das emissoras de rádio e televisão no governo Sarney. Comunicação & Política, Rio de Janeiro, v. 1, n. 1, p. 89-115, ago./nov. 1994. (Nova série).

RANCIÈRE, J. A partilha do sensível: estética e política. São Paulo: EXO experimental org.; Editora 34, 2009.

RISÉRIO, A. Avant-garde na Bahia. São Paulo: Instituto Lina Bo e P. M. Bardi, 1995. 260 p. (Série Pontos sobre o Brasil).

ROMANCINI, R. A querela da imprensa: conflitos regionais e institucionais na construção da história. In: SEMINÁRIO BRASILEIRO SOBRE LIVRO E HISTÓRIA EDITORIAL, 1., nov. 2004, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: LIHED/UFF; FCRB, 2004a. Disponível em: . Acesso em: 2 jun. 2010.

______. Inventando tradições: os historiadores e a pesquisa inicial sobre o jornalismo. Revista PJ:Br, São Paulo, v. 3, n. 3, 2004b. Disponível em: . Acesso em: 2 jun. 2010.

SANTANA, J. Martim Gonçalves: uma escola de teatro contra a província. 2011. 776 f. Tese (Doutorado em Artes Cênicas) – Escola de Teatro, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2011. Disponível em: . Acesso em: 16 jun. 2017.

______. Impressões modernas – teatro e jornalismo na Bahia. 1. ed. Salvador: Vento Leste, 2009.

SCHLESINGER, P. Os jornalistas e a sua máquina do tempo. In: TRAQUINA, N. (Org.). Jornalismo: questões, teorias e “estórias”. Lisboa: Vega, 1977. p. 177-190.

SODRÉ, N. W. A história da imprensa no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 1966. 584 p.

TUCHMAN, G. La producción de la noticia: estudio sobre la construcción de la realidad. Barcelona: Editorial Gustavo Gili, 1983. 176 p.




DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2238-3867.v17i2p100-113

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.