A EXPERIÊNCIA URBANA PÓS-COLONIAL NO CINEMA DE SOULEYMANE CISSÉ

  • Cesar de Siqueira Castanha
Palavras-chave: Cinema africano, Pós-colonialismo, Terceiro Cinema, Souleymane Cissé, Experiência urbana

Resumo

Este artigo procura analisar os primeiros filmes do cineasta maliano Souleymane Cissé — A garota (1975), Baara (1978), O vento (1982) — a partir de como este apresenta a experiência urbana pós-colonial em Mali. O texto procura se contrapor à classificação de um Terceiro Cinema e suas implicações categóricas sem deixar de reconhecer a influência de mediações com o cinema ocidental e do contexto pós-colonial na forma fílmica. Busca-se entender como o cinema de Cissé traduz formalmente a coletividade urbana de Mali sem recorrer ao nacionalismo sugerido pelos teóricos de um Terceiro Cinema.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-09-24
Como Citar
Castanha, C. (2018). A EXPERIÊNCIA URBANA PÓS-COLONIAL NO CINEMA DE SOULEYMANE CISSÉ. Sankofa (São Paulo), 11(21), 73 -89. https://doi.org/10.11606/issn.1983-6023.sank.2018.150531
Seção
Artigos